"O Sofrimento Move a Vida", por Viviane Mosé

11:13:00 1 Comments A+ a-



Viviane Mosé critica como a psicanálise trata o sofrimento:
"Está tudo errado o mal estar na civilização, tudo errado! O sofrimento move a vida, o sofrimento é bacana. O problema da psicanálise é tratar o sofrimento mal. A psicanálise quer diminuir o sofrimento humano? Eu acho que devia aumentar! É o sofrimento que nos move, eu não tenho que buscar o sofrimento mas eu não tenho que achar que eu tenho que acabar com o meu sofrimento: não sou eu que acabo com o meu sofrimento, é o meu sofrimento que acaba por ele.




  Assista ao vídeo completo, terceiro Episódio da Série de Entrevistas "Anamnese".
Viviane fala sobre poesia, sofrimento, violência, Nietzsche e mais.




A filósofa pondera sobre a importância do sofrimento no crescimento e transformação da vida:
"Eu sou uma pessoa que gosta da vida. Eu não gosto de ser alegre, eu não gosto de ganhar, eu não gosto de ser feliz… eu gosto de viver, e viver é um kit completo. Quem gosta de viver gosta da vida. Eu não procuro o sofrimento, eu não preciso porque ele me procura, agora, quando ele vem eu pergunto "o que você quer de mim? Que aspecto da minha alma precisa crescer e se transformar, o que você quer me dizer, sofrimento?" Aí eu converso com ele, ele fica um tempo e vai rápido embora . Agora, quando ele vem – e ele vem da vida, ele vem da exterioridade, ele vem do choque do homem com a civilização e com a natureza, e das relações – só que esse choque, ele vem para minha alegria, então o que que é alegrar-se? É ser capaz de sustentar o infinito. O que é o homem diferente dos outros animais? O homem é o único que sabe que vai morrer, o homem é o único animal que vê a exterioridade, ele vive e sabe que vive, então todo homem carrega nas costas o infinito. Aí eu pergunto: Quem é o homem bacana? É o que suporta o infinito, e isso implica na capacidade de ser resistente, de suportar, de aguentar… Não. Eu sou criada comprando, amando, que aí você mata o seu amor, porque você quer amar pra parar de sofrer, aí você pega o amor e engole, mata, sufoca e não consegue ficar mais que um ou dois anos com alguém, porque você matou o seu amor de tanta ansiedade para salvar a sua vida."


Mosé ainda fala sobre ganhos e perdas:
"O que que nós não temos na civilização? O valor da vida, e a vida implica em ganhar e perder, a vida está além do ganho e da perda. O que me faz bem não é ganhar ou perder, o que me faz bem é ser potente para viver, e isso é bacana, eu agradeço a cada um dos meus sofrimentos, eu não abriria mão de nenhum deles, e mais, se minha vida está muito reta demais, eu arrumo logo um abismo pra eu me jogar."

https://querobolsa.com.br/?partner_id=dd98d6f31

O nosso tempo é um bicho que só tem pescoço, por Mia Couto

14:25:00 0 Comments A+ a-


Mia pondera sobre a velocidade característica do mundo contemporâneo, “uma espécie de corrida infrutífera para não ficarmos desatualizados”, que torna tudo efêmero, vazio. “Como é que isso aconteceu?”. Confira:



Assista ao vídeo completo:


As memórias de Mia Couto habitaram os 80 anos UFRGS. Durante a Aula Magna 2014/2, para uma plateia que desde as primeiras horas da manhã formou fila para assistir o escritor, Mia Couto fez confissões, contou passagens que o constituíram como poeta e deixou um recado sobre a fugacidade do tempo no presente.

“O que eu venho trazer aqui é uma espécie de confissão, e episódios que vivi e que se constituíram como espécie de referências, de pilares como escritor”, disse o moçambicano logo no início de sua conferência. A partir daí, falou de sua infância, das histórias que ouvia dos pais antes de dormir, do balé das saias das mulheres na cozinha de sua casa, enquanto fazia as lições escolares. “No chão da cozinha que me fiz poeta”, contou.

Filho de imigrantes portugueses que viviam em Beira - Moçambique, cidade onde nasceu, Mia Couto lembrou a África colonial daqueles anos, em que havia uma forte divisão entre o lado europeu e o “outro”, que era o negro africano. Esse lado africano foi sentar em seu quarto, como contou Mia Couto nesta manhã. O escritor colocou também, como elementos constituintes de sua personalidade, a força da oralidade moçambicana e os momentos de guerra. Seu país viveu 16 anos de guerra civil, que deixou mais de um milhão de mortos, e que só teve fim com a paz assinada em 1992.

Saramago | Frases

19:29:00 0 Comments A+ a-


José de Sousa Saramago foi um escritor português. Foi galardoado com o Nobel de Literatura de 1998. Também ganhou, em 1995, o Prémio Camões, o mais importante prémio literário da língua portuguesa. Saramago foi considerado o responsável pelo efetivo reconhecimento internacional da prosa em língua portuguesa.


"O homem mais sábio que conheci em toda a minha vida não sabia ler nem escrever"
, disse ao receber o Prêmio Nobel, em 1998, citando o avô, analfabeto.


Em entrevista ao jornal "O Globo", em 2009, na época do lançamento de seu último livro, "Caim":

"No fundo, o problema não é um Deus que não existe, mas a religião que o proclama. Denuncio as religiões, todas as religiões, por nocivas à Humanidade. São palavras duras, mas há que dizê-las.""Para mim, a Bíblia é um livro. Importante, sem dúvida, mas um livro."

"Penso que não merecemos a vida, penso que as religiões foram e continuam a ser instrumentos de domínio e morte."


Uma publicação compartilhada por Horizonte Ampliado (@horizonteampliado) em


Em entrevista ao "Globo" em julho de 2009:"Nada há que seja verdadeiramente livre nem suficientemente democrático. Não tenhamos ilusões, a internet não veio para salvar o mundo."

"Creio que me fizeram todas as perguntas possíveis. Eu próprio, se fosse jornalista, não saberia o que perguntar-me."



Em entrevista a Edney Silvestre em 2007:

"Se eu pudesse repetir minha infância, a repetiria exatamente como foi, com a pobreza, com o frio, pouca comida, com as moscas e os porcos, tudo aquilo.""A globalização é um totalitarismo. Totalitarismo que não precisa nem de camisas verdes, nem castanhas, nem suásticas. São os ricos que governam e os pobres vivem como podem."

"Sim, tenho o Prêmio Nobel. E quê? Não que eu achava pouco ter o Prêmio Nobel, não, não. É que no fundo, no fundo, tudo é pouco, tudo é insignificante.""As pessoas transformam-se em máquinas de ganhar dinheiro. Ou de tentar ganhar dinheiro."


"Não sou pessimista. O mundo é que é péssimo."

#Saramago #horizonteampliado #frases

Uma publicação compartilhada por Horizonte Ampliado (@horizonteampliado) em

Carl Gustav Jung | Frases

18:56:00 0 Comments A+ a-



Carl Gustav Jung foi um psiquiatra e psicoterapeuta suíço que fundou a psicologia analítica. Jung propôs e desenvolveu os conceitos de personalidade extrovertida e introvertida, arquétipo e inconsciente coletivo. Seu trabalho tem sido influente na psiquiatria, psicologia, ciência da religião, literatura e áreas afins.

Separamos algumas frases para reflexão, confira:


“O homem que não atravessa o inferno de suas paixões também não as supera.”

Carl Jung

“Não há despertar de consciência sem dor. As pessoas farão de tudo, chegando aos limites do absurdo para evitar enfrentar a sua própria alma. Ninguém se torna iluminado por imaginar figuras de luz, mas sim por tornar consciente a escuridão.”
Carl Jung

“Uns sapatos que ficam bem numa pessoa são pequenos para uma outra; não existe uma receita para a vida que sirva para todos.”
Carl Jung

 
“Sua visão se tornará clara somente quando você olhar para dentro do seu coração. Quem olha para fora, sonha. Quem olha para dentro, acorda.”
Carl Jung

“O sofrimento precisa ser superado, e o único meio de superá-lo é suportando-o.”
Carl Jung

“Tudo que a mente moderna não consegue definir ela considera como demência.”
Carl Jung



“Onde o amor impera, não há desejo de poder; e onde o poder predomina, há falta de amor. Um é a sombra do outro.” 
Carl Jung

“Só em nós mesmos podemos mudar alguma coisa;
nos outros é uma tarefa quase impossível.”
Carl Jung




Uma publicação compartilhada por Horizonte Ampliado (@horizonteampliado) em
“Tudo depende de como vemos as coisas e não de como elas são.”
Carl Jung

“Dentro de cada um de nós há um outro que não conhecemos. Ele fala conosco por meio dos sonhos.”
Carl Jung



Você também poderá gostar:
Frases de José Saramago